Use a ícone nas páginas para adicionar aos favoritos

Planejando uma viagem ao Japão?

Compartilhe suas fotos de viagem conosco usando a hashtag #visitjapanjp nas suas imagens

Meus favoritos

O antigo mercado negro de Tóquio continua o paraíso da pechincha

Tóquio é uma cidade cara, mas no Ameya Yokocho, ou Ameyoko, como os moradores o chamam, é possível pechinchar para quase tudo. Essa experiência permite muita interação dinâmica, algo não muito típico no varejo do Japão, então aproveite!

Não perca

  • O vendedor de chocolate fazendo tatakiuri
  • Uma infinidade de artigos esportivos
  • Frutas no espeto

Como chegar

A região é servida por trens.

Ameya Yokocho tem uma localização conveniente, na linha JR Yamanote. Fica bem ao lado e abaixo dos trilhos entre as estações Ueno e Okachimachi.

Conhecendo o bairro

Você pode começar por qualquer um dos lados. Desça na Estação Ueno ou na Estação Okachimachi. Caminhe em paralelo aos trilhos elevados da Linha JR Yamanote. Ameya Yokocho fica do lado interno dos trilhos, mas o mercado se expandiu para debaixo dos trilhos suspensos, em uma galeria, e para o outro lado.

Chama-se apenas Ameyoko

As pessoas em Tóquio não chamam a região por seu nome oficial. Todos dizem simplesmente Ameyoko.

Ameyoko transformou-se em uma imensa feira livre após a Segunda Guerra Mundial. Começou como mercado negro, vendendo muitas coisas que as pessoas que trabalhavam para as forças de ocupação estrangeira obtinham dos soldados. A origem do nome Ameyoko é incerta, mas alguns dizem que o nome vem da palavra japonesa para doces, ame, e outros dizem que é apenas uma abreviação para americano.

Ainda vende-se muitos doces ali.

O cruzamento próximo à Estação Ueno

O que é tatakiuri?

Há uma loja de chocolates perto do lado Ueno do Ameyoko que vende de forma bem incomum, quase como um leilão. Tatakiuri significa, literalmente, vendas por pancadas. Os vendedores batem com frequência em algo, como caixas, usando uma vareta, à medida que vendem seus produtos.

Aqui, o vendedor coloca caixas de chocolate em uma sacola. Ele vai acrescentando caixas até encher a sacola. Independentemente de quantas caixas ele acrescentar, a sacola será vendida por mil ienes.

10% de desconto de 20% de desconto de 30%

Não só parece, mas é, de fato, confuso. Há diversas lojas que vendem artigos com vários descontos. Haverá uma placa dizendo que o desconto é de 30%. Em seguida, outra dizendo que há uma liquidação especial. Por fim, um vendedor ambulante dirá que naquele dia há outro desconto especial. Como resultado, muitas vezes, as pilhas de coisas vendidas na frente das lojas estão com 60 ou 70 por cento de desconto do preço original da etiqueta.

Os artigos esportivos são vendidos assim com frequência, e as marcas são originais, não imitações ilegais, embora possam ser de duas ou três coleções passadas. É uma verdadeira pechincha.

Procure os vendedores de frutas

Há muitos vendedores que fornecem frutas no espeto. Melão, morango e abacaxi são comuns, mas as frutas variam conforme a estação do ano e o que estiver maduro.

Há muito mais para ver e fazer. Se você estiver visitando amigos, caranguejo, ovas de salmão e outros frutos do mar são sempre apreciados como presentes. Ou os cogumelos Matsutake. Lá, essas mercadorias custam cerca da metade do preço da maioria das lojas e um terço do preço das lojas de departamento.

Próximo Ameya Yokocho (Ameyoko)

Ameya-yokocho Market Compras
Ameya Yokocho (Ameyoko) Tokyo-to
Ameya-yokocho Market Cultura
Ueno Tokyo-to
Ueno-onshi-koen Park Natureza
O Parque Ueno (Tóquio) Tokyo-to
Ueno Park-cherry blossom Festivais E Eventos
Festival Das Cerejeiras Em Flor De Ueno Tokyo-to
Kokuritsu Seiyo Bijutsukan -The National Museum of Western Art Arte E Design
Museu Nacional Da Arte Ocidental Tokyo-to
Kokuritsu Kagaku Hakubutsukan -National Science Museum Atração
Museu Nacional Da Natureza E Da Ciência Tokyo-to

Please Choose Your Language

Browse the JNTO site in one of multiple languages