Use a ícone nas páginas para adicionar aos favoritos

Planejando uma viagem ao Japão?

Compartilhe suas fotos de viagem conosco usando a hashtag #visitjapanjp nas suas imagens

Meus favoritos

Volte no tempo na pequena Quioto de Hiroshima

Em seu auge, Takehara foi a principal produtora de sal e saquê do país. Atualmente, a área é famosa por sua preservada paisagem histórica. Tradicionais edifícios de madeira que remontam ao período Edo (1603-1867) acompanham a principal via férrea da área. Conhecida como a cidade de frente para o Mar Interior de Seto, visite Takehara para completar seu passeio na área de Hiroshima.

Não perca

  • "Takehara Lattice“, treliças com designs que lembram origamis adornando muitas das tradicionais construções de madeira
  • Conhecer a lendária princesa de bambu no Museu Kaguyahime
  • A fábrica de saquê Taketsuru e o Museu do saquê de Ozasaya no mesmo local

Como chegar

A melhor forma de chegar a Takehara é de trem ou combinando trajetos de trem e ônibus saindo de Hiroshima. Chegue a Hiroshima de Tóquio ou Osaka por trem-bala.

Ônibus rodoviários seguem diretamente para a Estação Takehara a partir da Rodoviária da Cidade de Hiroshima na estação de trem; a viagem leva cerca de uma hora e 20 minutos.

Se optar por viajar de trem de Hiroshima à Estação Takehara, pegue um trem-bala ou um trem regular para a Estação Mihara. Mude para a Linha JR Kure em direção a Hiro e desembarque na Estação Takehara.

Outra opção é pegar o Akiji-Liner para Hiro na Estação Hiroshima. Ao chegar em Hiro, mude para a Linha JR Kure em direção a Mihara e desembarque na Estação Takehara.

A área preservada da cidade fica a cerca de 12 minutos a pé da estação.

Um experiência obrigatória para os fãs de saquê

Embora Takehara tenha cedido sua coroa de produtora de saquê para o bairro próximo de Saijo, visite a Fábrica de Saquê Fujii, uma das poucas fabricantes de saquê ainda localizadas dentro da área histórica preservada. O produtor utiliza métodos tradicionais, arroz cultivado localmente e água de nascentes da região para produzir seus premiados saquês.

Para os interessados na história das bebidas alcoólicas japonesas, Masataka Taketsuru, fundador do uísque Nikka, nasceu em Takehara em 1894. Após deixar a fábrica de saquê para a família, Masataka viajou para a Escócia, casou-se com uma escocesa e voltou para o Japão para fundar a empresa. Visite a Fábrica de Saquê Taketsuru e o Museu de Saquê Ozasaya para conhecer a área onde ele nasceu e saber mais sobre a produção de saquê.

Festivais de luz e sombra

Vários festivais coloridos são realizados ao longo do ano, mas Takehara realmente reúne todos os tipos de celebrações durante o verão. O festival Tanabata, no dia 7 de julho, é famoso entre as crianças, quando as ruas da cidade ficam repletas de barracas de comida e áreas de jogo. O maior festival de Takehara é o Festival de Fogos de Verão, realizado durante todo o mês de agosto, quando 3.000 fogos de artifício são lançados de botes flutuando no Mar Interior de Seto.
Durante o Obon, o evento budista anual para homenagear os antepassados, o Festival Sumiyoshi de agosto reúne mulheres em quimonos dançando pelas ruas ao anoitecer e lanternas de papel acesas flutuando na baía.

Fontes termais próximas

É possível aproveitar fontes termais naturais em algumas áreas próximas, mas talvez a mais memorável seja a Caverna Miyatoko Sauna (Miyatoko Cave Sauna). Em uma construção estranha e agarrada aos penhascos da Praia de Miyatoko, você encontra uma rara fonte termal onde os visitantes podem usar trajes de banho.

Para ter um banho quente mais tradicional, visite Mihara Onsen, que possui as águas termais mais quentes na Província de Hiroshima , a 45,1 Celsius. Escolha entre 26 casas de banho. Da Estação Takehara, pegue um trem local na Linha Kure para a cidade de Mihara. As fontes termais ficam a apenas 15 minutos de ônibus da Estação Mihara.

Uma vista que vale a pena a caminhada

Uma única parada de trem a leste da Estação Takehara o levará ao Monte Kurotaki, que possui 266 metros de altura e leva em torno de 45 minutos para subir. O cume oferece vistas espetaculares da cidade e do Mar Interior de Seto.

Trinta e três estátuas budistas de pedra acompanham a trilha da montanha. As estátuas foram doadas pelos moradores há mais de 150 anos para guardar as pessoas que sobem a encosta.



* As informações desta página podem estar sujeitas a alterações devido à COVID-19.

Próximo Takehara

Takehara História
1. Takehara
Okunoshima Natureza
2. Ilha Do Coelho (Okunoshima)
Hirayama Ikuo Museum Arte E Design
3. Museu De Arte Hirayama Ikuo
Kosanji Temple História
4. Templo Kosanji
imabari & ozu area Atração
5. Shimanami Kaido (Ehime)
Shimanami-Kaido-Hiroshima Atração
6. Shimanami Kaido (Hiroshima)

Please Choose Your Language

Browse the JNTO site in one of multiple languages